Os 3 melhores tipos de máscara para se proteger


Estamos passando por um momento conturbado da pandemia no país, onde os número crescem cada vez mais. Por isso, cada vez mais, se fazem necessárias medidas de segurança para conter ao máximo o avanço do vírus, e uma das principais é o uso de máscara.


Neste momento, é de extrema importância o uso de máscara, álcool em gel, distanciamento social e, para quem pode ficar em casa, o isolamento social, saindo apenas para trabalhar e para realizar atividades essenciais.



Pensando na eficácia dessas medidas, pesquisadores estudaram o nível de efetividade de vários modelos diferentes de máscaras. Neste artigo apresentaremos os 3 modelos mais eficazes e seguros.


O estudo


Neste estudo foram analisados 14 diferentes tipos de máscara, e testado em várias pessoas diferentes. Nele, os pacientes tinham que pronunciar a frase “Mantenham-se saudáveis, pessoal”, 5 vezes, em frente a uma caixa preta, com auxílio de um laser e uma câmera.


Este processo foi repetido 15 vezes: uma vez com cada um dos modelos de máscaras analisados (14), e uma vez sem máscara alguma, afim de captar e medir, através de um logaritmo específico, a quantidade de gotículas respiratórias eram liberadas ao falar.


Além disso, também foi analisado qual a porcentagem de eficácia das máscaras para conter essas gotas que são emitidas no momento da fala.


Modelos


A máscara que se mostrou mais eficaz foi o modelo profissional N95, o mesmo usado pelos profissionais da saúde que estão na linha de frente do combate à COVID-19. Esta se mostrou altamente potente, contendo 99% da passagem de gotas respiratórias.


Em segundo está a máscara cirúrgica, a clássica de 3 camadas (ou de polipropileno). Ela apresentou um bom nível de segurança, contendo cerca de 90% das gotículas.


Em terceiro lugar, com a taxa de segurança em aproximadamente de 80%, estão as máscaras de algodão de duas camadas. Estas que são produzidas a mão, à base de algodão e polipropileno.



Lembrando que, atrelado ao uso de máscara, o distanciamento e álcool em gel devem estar sempre presente no dia a dia das pessoas, assim como o isolamento social, para quem pode ficar em casa.


E lembre-se, ao sair tome todo cuidado possível. Se cuide e cuide dos seus.

190 visualizações0 comentário